Resenha: A Menina Mais Fria de Coldtown de Holly Black |Jorgiana Parise

Padrão

Hello People!

Vim falar desse livro que comprei por motivos de: A capa é linda, eu queria conhecer a escrita da Holly Black e eu tinha esperança de que ia ser bom.

a-menina-mais-fria-de-coldtown

O que falar desse livro de 384 pags que poderia muito bem ter ficado com 220 a 260 pags sem alterar o resultado final?

Pois é, depois de algum tempo refletindo sobre esse livro, cheguei à conclusão que o “não gostei” esteve bem mais presente do que o “gostei dessa parte”. Não estou dizendo que o livro é uma bela duma porcaria, longe disso na verdade, mas a premissa não foi bem aproveitada, muitas coisas foram só jogadas ali no enredo sem o menor motivo.

Holly Black decidiu contar uma história com Tana, Gavriel e Aidan, em um mundo onde vampiros são reais e não brilham no sol, na verdade o sol pulveriza eles e eles bebem sangue humano a rodo. Começamos sabendo que Tana foi a uma festa dada por Aidan, seu ex, e que deu muito errado já que vampiros invadiram o local e mataram todo mundo, menos ela e o próprio Aidan, e é aqui que você para de ter empatia pela personagem, já que ela resolve “investigar” os outros cômodos e encontra Aidan amarado na cama e claramente infectado e Gavriel preso em outro canto do quarto, claramente um vampiro, qualquer pessoa com um mínimo de senso de auto preservação teria saído correndo como se não houvesse amanhã já na cena dos corpos na sala!

Mas, ok até ai tudo bem, se ela saísse correndo provavelmente não haveria história, o grande problema é que Tana é uma mistura muito estranha de coragem e mimimi (sorry, sem outra palavra pra explicar isso) e ela faz coisas muito idiotas no decorrer da trama, que te deixam meio WHAT?!? E ela é chata, ela é muito chata! Gavriel, e até mesmo o Aidan, compensariam se tivessem sido mais explorados, porque ambos são personagens mais interessantes que a Tana, mas a boa notícia é que NÃO TEM TRIANGULO AMOROSO! Só que assim, apesar dela ser chata e tal, como eu disse antes ela é corajosa e ela é capaz de matar, e isso caiu muito bem em uma história que deveria ser mais sombria.

Eu gostei muito de várias personagens secundarias, mas novamente aconteceu um problema, foram pouco explorados ou foram simplesmente jogados ali pra morrer, sim você vai ler algumas páginas falando sobre determinadas personagens e dali duas linhas ela vai morrer de um jeito idiota!

Minha conclusão sobre esse livro foi que a premissa era muito boa, começou com uma narrativa muito boa e depois deu muito errado, parou de fluir e várias coisas aconteceram ou foram descritas só pra preencher páginas!  No fim das contas dei 3 estrelas, porque gostei do começo e do final e também me apeguei a algumas personagens.

Beijinhos ;*

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s